eunicio-2

Eunício Lopes de Oliveira (Lavras da Mangabeira, 30 de setembro de 1952)[1] é um político, agropecuarista e empresário brasileiro, filiado ao Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB). Foi ministro das Comunicações no governo Luiz Inácio Lula da Silva, de 23 de janeiro de 2004 a 14 de julho de 2005.[1] Deputado federal por três mandados, Eunício foi eleito Senador da República, em outubro de 2010, com 2.688.833 votos.

Eunício foi citado pelo senador Delcídio do Amaral em envolvimento corrupção nos termos da delação premiada na Operação Lava Jato homologada em 15 de março de 2016 pelo Supremo Tribunal Federal (STF).[3]

Recentemente, foi citado pelo  ex-deputado federal Eduardo Cunha, como um dos beneficiados pelo esquema de corrupção da Petrobrás.

É defensor da Vaquejada , bem como das crueldades e maus tratos praticados contra os animais.

Facebook